Geração impaciente: Perdemos a arte da conversação e esquecemos como estar no presente?